terça-feira, 9 de Outubro de 2012

Joseph Mutaboba sobre a crise na Guiné-Bissau: "Ausência de progressos em vias ao restabelecimento da ordem constitucional"


Uma reunião dos chefes das missões de paz da NU na Africa Ocidental, costituida por Costa do Margim, Guiné-Bissau, Liberia e Sierra Leoa teve lugar, segunda feira 8 de outubro em Dakar. Ela foi realizada sob a alta autoridade do Sr Saïd Djinnit, representante especial na região do Secretario Geral das NU, Ban Ki-moon. As Nações Unidas não escondem mais a sua inquitude concernente a situação politica na Guiné-Bissau depois do golpe de estado de 12 de abril ultimo.

Joseph Mutaboba, Representante especial do Secretario Geral das Nações Unidas na Guiné-Bissau denuncia mesmo «a ausência de progressos em vias ao restabelecimento da ordem constitucional». Ele fala de «um verdadeiro quebra cabeças, com cada lado, e cada facção a agarrar-se aos seus interesses particulares e posições adquiridas de facto com o conflito, recusando-se terminantemente a um dialogo inclusivo», que para ele, «é a unica saida para a crise». Repete, «um verdadeiro quebra cabeças». RFI