terça-feira, 2 de Outubro de 2012

África Monitor


"Todas as avaliações segundo as quais o narcotráfico na Guiné-Bissau aumentou no seguimento do golpe de Estado de 12 de Abril, apontam, como 'evidência comum' o trânsito constante de cidadãos de países latino-americanos, em especial colombianos, que por vezes se demoram no país; o motivo alegado é o turismo." AM